Blog Alma Missionária

Blog Alma Missionaria

terça-feira, 13 de maio de 2014

Vaticano abriga um dos museus de comunicação mais completos da Europa



Cidade do Vaticano (RV) – Nos belos jardins do Vaticano, nasceu o primeiro centro de transmissão da Rádio Vaticano, projetado em 1929 pelo inventor do rádio, Guilherme Marconi, a pedido do então Papa Pio XI.

Com a construção da estação em Santa Maria di Galeria, um lugar mais amplo e apropriado, o espaço original foi sendo adaptado aos poucos para se transformar em museu. Hoje, possui um dos acervos de comunicação mais completos da Europa.

O Museu Técnico da Rádio Vaticano abriga diversas engenhocas usadas desde 1931. Administrado atualmente por Giorgio Patassini, o acervo de verdadeiras relíquias, porém, não se restringe ao universo radiofônico.

Há, por exemplo, grandes máquinas utilizadas, na época, para a reprodução de discos de vinil, os famosos LPs.

Em uma pequena sala, estão expostas, ainda, raras máquinas de escrever, gravadores dos mais antigos, além de vitrolas em perfeito funcionamento, apesar de tanto tempo de existência.

Funcionário da Rádio Vaticano há décadas, Silvano Funghi é quem conduz os visitantes, dando explicações minuciosas sobre cada objeto, incluindo um inusitado microfone em formato de Basílica, doado pelo governo espanhol ao Papa Pio XII, em 1950.

Ao fim da visita, os interessados são convidados a assistir imagens e discursos históricos de vários Papas sobre a Rádio Vaticano. Um dos vídeos mostra São João Paulo II em visita a Santa Maria di Galeria.

Apesar de o museu estar localizado em um ambiente de acesso restrito, a visita é aberta ao público e gratuita. Marcações podem ser feitas pelo telefone de Roma (39) 066 988 3995 ou pelo e-mail museo_rv@vaticanradio.org.
(JO e DA)




Texto proveniente da página http://pt.radiovaticana.va/news/2014/05/12/vaticano_abriga_um_dos_museus_de_comunica%C3%A7%C3%A3o_mais_completos_da_europa/bra-798475
do site da Rádio Vaticano 
Postar um comentário